O começo de tudo

A ideia de ter uma empresa me acompanhou durante todo o período da graduação e a certeza veio após assistir a uma palestra de empreendedorismo na Semana da Engenharia Civil, organizada naquele ano pelo Centro Acadêmico X de Dezembro – CAXD, um órgão que representa os estudantes do curso de Engenharia Civil da Unicamp.

Durante o curso, a dúvida sobre em qual área atuar pairava no ar (quem já não passou por isso?). Ela foi resolvida no penúltimo semestre ao cursar a disciplina de “Ecologia Aplicada à Engenharia Civil”: o caminho escolhido, e confesso, com plena satisfação, foi trabalhar na área ambiental.

Para me aprofundar no assunto, busquei especialização e conclui o mestrado na área de saneamento e meio ambiente da Faculdade de Engenharia Civil e Arquitetura da Unicamp. Ao mesmo tempo, no mercado de trabalho, prestei serviços para uma renomada empresa de consultoria ambiental como pessoa jurídica. Neste contexto nasceu a Aracê Ambiental.

A definição do nome rendeu algumas visitas noturnas à Biblioteca Central da Unicamp. Com o dicionário tupi-guarani em mãos, iniciou-se a busca por uma palavra deste dialeto que representasse a proposta da empresa. O significado de Aracê chamou atenção, além de ser um nome charmoso, e por fim foi o escolhido.

Os anos se passaram e durante essa vivência aperfeiçoei o meu estilo profissional de consultora baseado, é claro, no meu aprendizado, princípios e valores pessoais – com isso, aquela vontade de assumir de vez a Aracê Ambiental tomou forma e cresceu. É chegada a hora.

Assim se deu o começo da Aracê Ambiental e sua história continuará a ser escrita com a certeza de que sua missão será consolidada dia após dia.

Esta entrada foi publicada em História. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas a O começo de tudo

  1. Flavio Innocentini disse:

    Parabéns pelo site e pela iniciativa empreendedora !!
    Desejo todo sucesso e realizações possíveis !!!

    Não tenho dúvidas que se depender do seu profissionalismo e conduta, não haverão limites para a Aracê.

Deixe uma resposta para admin Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>